quinta-feira, 8 de julho de 2010

Momento Mulherzinha ♥


Limpeza facial para cada tipo de pele

Qual a importância da limpeza de pele?

A pele deve limpar-se pelo menos duas vezes ao dia. De manhã, para limpar o suor, a gordura e os restos dos cosméticos colocados antes de dormir. À noite, para retirar a maquilhagem, os cosméticos, a poeira e todo o tipo de impurezas que se vão acumulando durante o dia.
A limpeza da cara é o gesto de beleza mais importante para que a pele resplandeça. Além disso, lembre-se que a maquilhagem deve aplicar-se sempre sobre uma pele sem rastros de sujidade.

Escolha do produto de limpeza

Quando escolhemos um produto de limpeza, normalmente consideramos a sua textura (creme, gel, sabão). Também gostamos que o seu odor seja agradável e que a embalagem seja cómoda.
No entanto, mais importante do que estes pormenores é saber o tipo de limpeza facial adequado às características da nossa pele. Siga as instruções:

Limpeza para pele oleosa

É importante limpar bem uma pele com tendência para ganhar gordura e ficar oleosa, de maneira a evitar a proliferação de bactérias. Além disso, o excesso de gordura obstrui os poros, não deixando a sua pele “respirar”.
Se tem este tipo de pele, deve lavá-la quer ao levantar-se como ao deitar-se. Atenção! Os produtos para limpar uma pele oleosa devem ser muito suaves, para evitar efeitos contraproducentes. Se usa algum tónico, não deve conter álcool. É aconselhável o uso de uma máscara purificadora.

Limpeza para pele seca

Se tem este tipo de pele, deve cuidar bem da camada externa e manter uma boa taxa de hidratação. Uma pele seca é o primeiro passo para deixá-la escamada.
Para limpá-la, pode utilizar óleos e cremes, assim como tónicos sem álcool. Nunca utilize sabonetes, géis ou algum produto que se retire com água. Semanalmente, aplique uma máscara hidratante e esfole a pele com um produto cremoso para eliminar as células mortas.

Limpeza para pele mista

Existem dois tipos de pele mista: a que é mais oleosa que seca e a que é mais seca que oleosa. Não obstante, em ambos os casos o ideal é utilizar produtos específicos para cada zona: um adstringente para a chamada zona T (testa, nariz e queixo) e hidratantes para as restantes zonas. No entanto, sabemos que isto constitui uma tarefa complicada e morosa.
Sendo assim, o mais prático é utilizar tratamentos para peles mistas e reforçar produtos matificantes (este tipo de produtos altera o pH da pele, fazendo com que produza menos sebo). No caso das peles com zonas mais secas do que o normal, é bastante benéfico terminar a limpeza com a aplicação de um tónico hidratante.

Limpeza para pele sensível

As peles sensíveis têm uma especial intolerância aos cosméticos em geral. Por essa razão, deve usar produtos especiais: nada de fragrâncias, hipoalergénicos (que provocam reacções alérgicas) e comedogénicos (que provocam obstrução dos poros).
A pele sensível pode ser afectada por uma limpeza demasiado agressiva ou através do uso de produtos inadequados (sabonetes alcalinos ou produtos com álcool). É essencial utilizar produtos que respeitem a natureza da sua pele como, por exemplo, fórmulas com agentes que preservem a camada hidrolipídica da pele, responsável por evitar a perda de água).
Por outro lado, desaconselha-se lavar a cara com agua da torneira, que tem demasiado calcário, já que desiquilibra os níveis de pH cutâneo, diminuindo a protecção da pele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário